Expansão NetworkBrasil


26/08/2013 13:05:38

Expansão

"O mercado está percebendo a importância de investir para que o trabalho não pare e haja segurança no uso dos arquivos", explica décio Montagna, project manager da Network Brasil, de Bumenau. A companhia sediada no Vale do Itajaí disponibiliza infraestrutura em data centers para armazenamento e também espaços em racks, com custos menores de gerenciamento Os servidores dos clientes precisam ser robustos, garantindo que o trabaslho não pare. A companhia desenvolve projetos focados na integração dos servidores em nuvem com a infraestrutura local do contratante. Para adequar o serviço, a Network Brasil analisa a realidade da empresa, avalia suas necessidades e o potencial de crescimento em curto e médio prazos, e entrega o plano de investimentos por demanda.

INFRAESTRUTURA DA NETWORKBRASIL Infraestrutura de servidores da NETWORK BRASIL, em Blumenau.Ronald T. Pimentel / Supernova Editora.

As empresas desse mercado estão também à mercê dos desdobramentos relativos ao crescimento citados no começo da matéria. A Network Brasil acabou de fazer uma injeção de R$ 2 milhões em servidores blade para manter atualizada a infraestrutura. A prática garante a integridade dos sistemas, evitando que desastres naturais, como a enchente e os deslizamentos que castigaram Blumenau em 2008, afetem a solidez dos sistemas. O resultado é a garantia das operações sem interrupções. "temos um uptime de 99,9%", destaca Décio. Os servidores necessitam de constante manutenção, com sistemas de fornecimento de energia e refrigeração redundantes. Isso significa que a eletricidade e a climatização entregues têm o dobro do volume necessário para a operação ideal dos equepamentos. Em alguns casos, as empresas alocam as máquinas em áreas com dupla redundância, ou seja, com quatro veazes mais do que o demandado. É o caso da Network Brasil. Os espaços onde ficam os racks da companhia possuem certidicação Tier de nível III - concedida pelo Uptime Institute, dos Estados Unidos - que confirma a adequação dos locais destinados ao funcionamento de centros de processamento de dados (Data Centers) em escala de um a quatro.

Fonte:Revista Negócios & Empreendimentos, Edição de Agosto e Setembro de 2013 (http://www.negociosempreendimentos.com.br)

  • Ligue para +55 47 3041 0432

  • 0800 600 0432